Porqu√™ que sou vegan.ūüíö

Ol√° minhas rainhas

Como est√£o a passar os vossos dias? Espero da melhor maneira.ūüíö

√Čs vegan porqu√™? Como consegues, como sobrevives, como vais sobreviver e n√£o sentes falta de carne? S√£o algumas das perguntas que me fazem constantemente.

Ser vegan √© mais do que uma alimenta√ß√£o √° base de plantas. Ser vegan para mim, √© ter consci√™ncia e mostrar compaix√£o.

Ainda sou bastante “verde” neste mundo vegano, por isso n√£o posso defender por tudo o que o veganismo representa, mas posso partilhar parte da minha experi√™ncia pessoal.  Eu decidi ser vegan por aquilo que eu considero serem raz√Ķes v√°lidas e nobres. Abomino qualquer  tipo de explora√ß√£o e crueldade contra os animais e sou contra ao consumismo ego√≠sta, inconsciente, exagerado e desnecess√°rio que tanto afecta o nosso meio ambiente.

N√£o questiono as escolhas alheias e falo apenas da minha experi√™ncia e da minha escolha. 

Para muitas pessoas o veganismo √© uma alternativa alimentar muito restrita, extrema, exagerada e insatisfat√≥ria. Mas posso vos dizer que est√° longe disso. √Č apenas para muitos um mundo desconhecido, pouco entendido e mal interpretado, √© um mundo √† parte cheio de cores, sabores e vida, pronto a ser descoberto  e partilhado.  A alimenta√ß√£o √† base de plantas, frutos secos, frutas e cereais  foi para mim uma das decis√Ķes mais acertadas e l√≥gicas que fiz. Depois de pesquisas online e de ver document√°rios horas a fio, ler artigos publicados e livros sobre a industria alimentar e o seu impacto no planeta e na nossa sa√ļde, era imposs√≠vel ficar indiferente ao que realmente era a realidade. Deparada com a realidade assustou-me e vi que era imposs√≠vel virar a cara.

No fim, depois de saber o que fiquei a saber, n√£o podia voltar a tr√°s. Questionei-me v√°rias vezes, que tipo de pessoa seria, se volta-se a ser quem eu era antes de saber. Nunca mais olhei para a comida da mesma maneira.

Foi uma mudan√ßa necess√°ria para um mundo que at√© ent√£o, me era desconhecido.  Foi desafiante e dif√≠cil ao princ√≠pio, mas n√£o tanto como eu pensei que iria ser. Mas eu adoro. Aprendi consideravelmente sobre a explora√ß√£o animal, a industria alimentar e t√™xtil e o impacto das mesmas no meio ambiente. Aprendi sobre a sustentabilidade, reciclagem e sobre desperd√≠cio zero. Adoro porque tive de reeducar o meu paladar, reaprender a cozinhar com mat√©rias primas diferentes e vivas. Tive de pesquisar e ler mais sobre frutas, legumes, sazonalidade, os nutrientes, as vitaminas, os minerais, os carboidratos, sobre prote√≠nas vegetais, frutos secos e at√© sobre comida fermentada. Tive que reaprender a comprar comida e de ler os r√≥tulos dos ingredientes. O meu relacionamento com a comida mudou completamente.

Orgulho-me de fazer parte de um movimento que luta contra a exploração e maus tratos de animais e que luta para um mundo mais verde, mais sustentável e mais saudável.

Para mim ser vegan é ajudar a curar o planeta e os que nele habitam.

#euficoemcasa

Mantém-se saudáveis

Beijinhos rainhasūüíöūüíö

Published by √Āfrica vaidosa

Abomino a indiferença e a falsa ideia de superioridade entre as pessoas. Defensora de um estilo de vida saudável e activo. Eu sou eu. Com algumas falhas mas com muitas coisas boas.

Ajudou-te?

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: